Arquivos de Autor: narlla

Meu filho foi desprezado por outra criança: o que posso fazer?

Vamos falar sobre dar noções de dignidade para as nossas crianças? Recentemente, aqui em Brasília, aconteceu um fato triste no qual um pai segurou uma criança para o seu filho bater. Pelo que entendi, o pai – de algum modo – achou que o filho teria sido ridicularizado, injustiçado e se achou no direito de […]

Luto materno: não ignore a dor da morte

A notícia de uma gravidez é, normalmente, celebrada e festejada. Mas como podemos viver o luto diante de uma experiência tão cheia de vida? Como reagir quando vivemos a perda de um filho, sobretudo se este não chegou nem a nascer? Este texto não é nenhum manual, não sou psicóloga e também não passei por […]

Meu primeiro Calendário de Advento

Olá, pessoal! Desde o ano passado, quando amigas muito queridas partilharam do quão rica foi a vivência do Advento com o auxílio do Calendário,  eu fiquei com muita vontade de fazer. Em 2017 não deu. Mas agora eu, embora atrasada, coloquei a mão na massa e fiz. Estou rezando para conseguir cumprir fielmente com as […]

7 coisas que aprendi sobre ser mãe

1. Que a maternidade é essencialmente boa. Trazer um ser humano ao mundo, participar da criação divina de modo tão intenso é, por si só, um milagre. Acontece que milagres nem sempre excluem a possibilidade de haver sofrimento envolvido em seu processo. Louvar e agradecer por isso, pela dor e pelo amor, nos ajuda a […]

Cama compartilhada: qual o problema?

O que tenho aprendido sobre a cama compartilhada e alguns pacotes que parecem vir junto com o beta positivo. Quando meu primeiro filho nasceu (hoje ele tem 2a8m), eu e meu marido fomos conversando e definindo algumas coisas que gostaríamos de fazer com relação aos primeiros meses de vida. E isso a gente faz constantemente, […]

A imaturidade no amor

Rafael Llano Cifuentes Hoje, considera-se a satisfação sexual autocentrada como a expressão mais importante do amor. Não o entendia assim o pensamento clássico, que considerava o amor da mãe pelos filhos como o paradigma de todos os tipos de amor: o amor que prefere o bem da pessoa amada ao próprio. Este conceito, perpassando os […]

Frente ao erro, o recomeço!

Para quem acha que perdeu o tempo de fazer boas escolhas: recomece! Depoimento da minha querida amiga Marília Coelho, mãe de 4 filhos, que eu admiro tanto, escrito com muito amor pra este espaço. — “Há nove anos minha estrada começou a se tornar cada vez mais estreita e eu, especialmente no início, tentava procurar […]

Eu, meus cabelos e o nascimento da minha filha

  Quando olho para as fotos da minha infância, vejo – e relembro – que havia uma dose extra de disposição da minha mãe, das minhas tias, em cuidar dos meus cachos. Mas também havia situações em que meus cabelos finos e frágeis eram penteados ~ a seco ~ fazendo com que perdessem a forma, […]

Castidade no namoro

Para quem é católico e vive o propósito de chegar ao casamento crescendo cada vez mais na virtude da castidade, deixando a experiência do sexo – que não envolve apenas união física – para o ambiente definitivo do matrimônio, eu recomendo: – Tirar o foco das proibições, do “não pode”; É importante, claro, estabelecer limites […]

Vamos desromantizar a maternidade?

Não, não vamos. Ninguém fala que é tão difícil. Mentira. Todo mundo fala. Fala tanto que desencoraja. Fala tanto que mina a virtude, o desejo de viver a experiência individual. Porque parece que maternidade é só dor, desgraça, privação de sono e fralda suja.  E puerpério é treva, dor e lágrimas. Apenas. Mas quando você […]